X

Tudo o que você mais ama

Assine para receber muitas novidades,
promos, dicas e achados do fantástico
universo online. E claro,
tudo isso com muita inspiração.

X
18/11/2019 | iLove.e

Tanden Atelier, Bléque e Emar Batalha lançam coleções versáteis que dialogam com a natureza

Tudo Moda História

Inspiração em processos, formas e cores da natureza + design de ponta: parece o combo perfeito? O iLove.e reuniu três marcas que sustentam esses pilares com louvor em uma sessão de fotos com mescla de roupas, bolsas, sapatos e joias. Tanden Atelier, Bléque e Emar Batalha uniram suas expertises com peças que se comunicam fluidamente com a mulher contemporânea, pensando na preocupação com o meio ambiente e com as múltiplas possibilidades que uma mesma peça pode oferecer. Saiba mais sobre as coleções atuais e confira as fotos com Raquel Lionel, Helena Branquinho e Olivia Nicoletti:

Tanden Atelier

Mila Menezes, à frente da marca, gosta de embutir significados a todas as criações. O nome da marca vem do japonês e significa “o ponto abaixo do umbigo”, região que é conhecida como potente fonte de energia vital: é o centro de gravidade do corpo. No mercado há quatro anos, a Tanden é forte usuária do universo digital e de todas as possibilidades que ele oferece. “Não perdemos nossa essência e trabalhamos com produtos slow fashion, peças atemporais, com um quê retrô, feitas com estoque reduzido”, relata Mila. 

Para a coleção Poda, que está em pré-venda, Mila buscou inspiração na natureza, como é de costume. Depois de temas como Colheita e Florescer, ela investigou a importância dos cortes para fortificar árvores e frutos. “Temos tops com laterais que podem ou não ser usadas, peças com zíper descartável, faixas que se parecem galhos, tudo em uma comparação da natureza com a vida”, relata a founder. 

Fundada por Renata Negrão, a marca é responsável por bolsas e sapatos que aliam design e sustentabilidade. Tendo como slogan “as sustainable as possible”, a marca usa matérias primas de baixo impacto ambiental e alta durabilidade. 

Materiais como fibra do caule da bananeira e couro de pirarucu, proveniente de restos da indústria alimentícia, fazem da Bléque uma marca atenta aos novos tempos. “Gosto de dizer que a Bléque é beta: é uma oficina de aprendizado e testes. Estamos sempre em busca de fazer melhor, com mais eficiência, e tentando diminuir nosso impacto no planeta”, comenta Renata. Cores como menta e rosa azaleia permitem que os modelos não deixem o mood fun, tão complementar da responsabilidade, de lado. 

SHOP BLÉQUE

 

Emar Batalha

Fundada por Emar Batalha, a marca homônima preza muito pela brasilidade nas cores e pedras. “A combinação de cores está no nosso DNA. O anel Taj, que tem mais de 20 anos, é uma marca registrada que exemplifica isso, ele é super forte”, relata Emar, que também se inspira na natureza e abusa de gemas naturais.

Outra característica chave, que foi explorada também na nova coleção, é a flexibilidade: “Você pode usar as peças de várias maneiras diferentes, montar e desmontar. O brinco Zeta, por exemplo, é madeira de um lado e madrepérola do outro.”

Em destaque

assine nossa newsletter

Voltar ao topo Voltar ao topo