X

Tudo o que você mais ama

Assine para receber muitas novidades,
promos, dicas e achados do fantástico
universo online. E claro,
tudo isso com muita inspiração.

09/05/2018 | Isadora Diógenes

Flor e Negócios em Família Com a Dupla Bia e Gisele Koch

Tudo Moda Lifestyle História


Quando a AMARO nos deu a missão de contar uma história inspiradora para esse Dia das Mães, pensamos de cara na dupla Beatriz Koch – a Bia já esteve por aqui em outras oportunidades, lembra? – e Gisele Koch. Por quê? Além da relação mãe & filha, as duas também são sócias na Mimo em Flor, empresa cool dedicada às flores e decorações de eventos.

TESTE

 

Para dar vida a essa história, fomos à Koch’Haus – assim em alemão mesmo, como a plaquinha na entrada da garagem indica –, a nova casa bacanérrima que serve de morada e QG para a Mimo em Flor, ou seja, não teria locação que representasse mais as duas do que essa. “A gente mudou pra essa casa no começo ano porque sentíamos necessidade de integrar a nossa rotina e a do ateliê. Não queríamos ter um galpão à parte para isso e aí todas as produções acontecem aqui mesmo”, contaram.

E de onde veio o interesse em empreender na área? A Bia é editora do núcleo de Casa&Cozinha da Revista CLÁUDIA há seis anos, então a questão estética é muito presente na sua vida, e há dois anos, ela propôs para a mãe que começassem o negócio. De 2016 para cá, já foram muitos eventos – inclusive um brunch realizado pelo iLovee no ano passado! – incríveis produzidos pelo duo.

Ficou curiosa para saber como a Bia divide sua rotina e como as duas conseguem equilibrar a relação familiar com profissional? Nós também!

SHOP THE LOOK

iLovee: Bia, sua rotina deve ser uma loucura! Como você dá conta de tudo?

B: É meio insano, rs! Eu tento me dividir. Na parte da manhã, mais ou menos da 7h às 10h, respondo clientes do ateliê, pesquiso referências, faço projetos… Aí vou para a revista e, na hora do almoço, também vou resolvendo as pendências. Se eu preciso cotar algo, peço ajuda da minha mãe, mas eu que acabo ficando responsável pelo contato maior com o cliente mesmo. Aí depois que tudo foi fechado, passo o briefing e ela executa, mas pensamos na logística juntas. Eu digo que faço as duas coisas ao mesmo tempo porque vou tentando responder as mensagens, os e-mails, tudo. É trabalhoso, mas eu vou organizando.

 

iLovee: Uau! Mas contem, como é trabalhar com alguém tão próximo? Rola aquela reunião de negócios no almoço da família de domingo ou vocês conseguem separar as coisas? 

B: Eu sou filha única, então nossa relação sempre foi intensa. Tanto para briga quanto para amor! Quem conhece bem a gente diz que parecemos mais irmãs do que mãe e filha. Também me sinto muito responsável por ela e fico mais em cima! Eu tenho mais essa coisa do cuidar, cobrar e nos negócios é a mesma coisa. Tem vezes que ela brinca “ah, tá bom, patroa!”, rs, ou eu reclamo “Poxa, mãe, você não vê o WhatsApp há 30 minutos!” Mas, é que ela é mais calma, só vai lá e faz, não fica dando muita satisfação, aí eu me estresso porque não tenho bola de cristal para saber. Mas, no final, a gente se entende, temos gostos parecidos e vamos nos ajustando. As duas acabam sendo flexíveis!

G: Isso é verdade. Ela cobra mais, mas enquanto ela está cobrando, eu já estou fazendo, rs!

B: Pois, é! Mas você sabe como eu sou. Gosto de deixar tudo alinhado, eu sou assim na vida também. Fico perguntando como está o status de tudo! 

G: Acho que é uma questão de idade e maturidade também. Eu já passei por essa fase de ser líder, as pessoas que me davam satisfação então eu estou acostumada a só ir lá e fazer. Mas, acho que nossa parceria é ótima. Ela tem ideias incríveis, visão, gás e agilidade que às vezes me faltam. É super gostoso!

SHOP THE LOOK

iLovee: Então vocês são como o contrapeso uma da outra na balança dos negócios! E fora do horário de trabalho, o que vocês gostam de fazer juntas?

G: A gente gosta de viajar bastante, vamos agora passar uns dias em Buenos Aires até! Também amamos tomar um vinho, conversar e a casa acabou virando um ponto de encontro.

B: Com certeza... mudamos para cá porque eu também sentia muita falta de receber, sabe? E essa casa foi pensada para isso. O receber passou a fazer mais parte das nossas vidas e até para estarmos mais juntas. Vem meu namorado, amigos, minha mãe está aqui, abrimos um vinho, como ela disse… Todo fim de semana acontece isso e é muito gostoso.

iLovee: Qual o maior ensinamento que vocês aprendem uma com a outra?

B: A ser uma mulher forte, guerreira, livre e não depender de ninguém. Ela sempre fez isso e eu cresci vendo ela ir trabalhar cedo, independentemente de estar doente ou não, sempre forte e correndo atrás do que queria. Às vezes, as pessoas me perguntam como eu consigo dar conta de dez mil coisas no dia e é meio o que ela fazia. Ela diz que hoje não tem energia, mas é porque ela já fez muito! Isso de batalhar e ir atrás eu herdei dela.

G: A Bia é muito determinada! Tudo o que ela faz é bem feito, com dedicação e nada pela metade. Ela sempre foi assim. Se você entrega algo na mão dela, pode ter certeza que vai sair perfeito e com muito entusiasmo sempre. É muito gostoso assistir ela na vida, é meu orgulho!

iLovee: Que amor, meninas! Vamos encerrar essa papo falando de negócios? Quais os próximos passos do ateliê?

G: A gente está diversificando cada vez mais, não é, Bia? 

B: Sim, mãe! Tenho cada vez mais entrado na decoração e quero abrir um braço da Mimo em Flor que atenda com esse serviço. Como eu faço produções mensais para a CLÁUDIA, nos eventos que faço décor é como fazer uma produção para a vida real. O olhar eu já tenho, é minha vida pesquisar referências! E minha mãe tem o talento do manual que eu já não tenho, sabe? Eu sou como marketing, PR, comunicação e ela o operacional. Além disso, a gente quer pegar projetos cada vez maiores e também fazer mais corporativo. 

SHOP THE LOOK

 


Em destaque

assine nossa newsletter

Voltar ao topo Voltar ao topo