X

Tudo o que você mais ama

Assine para receber muitas novidades,
promos, dicas e achados do fantástico
universo online. E claro,
tudo isso com muita inspiração.

X
16/08/2019 | Stephany Melo

Entre o aconchego e a sofisticação na Casa Bovero

Tudo Decoração História

Modéstia à parte, nós adoramos reunir boas histórias, mas precisamos admitir quando encontramos uma competidora à altura. Com nome, endereço e uma curadoria apaixonante de peças garimpadas a dedo, a Casa Bovero, em pleno bairro Perdizes, em São Paulo, é um espaço de eventos que equilibra aconchego a um mix vitoriano e industrial que acomoda até 150 pessoas.

Lar de comemorações diversas e palco de histórias de amor desde junho deste ano, o casarão do início do século XX foi originalmente de uma família italiana e minuciosamente reformado pelo Estúdio Penha, que preservou diversos detalhes da construção original. De cara, captamos uma essência elegante acompanhada da sensação confortável de estar no quintal de casa e, mais ao fundo, já conseguimos avistar uma edícula que, décadas atrás, abrigava uma escola de piano que hoje é a pista de dança. “Nosso objetivo é trazer sofisticação a um espaço reduzido, mas pensando muito no aconchego, em fazer a pessoa se sentir em casa”, conta Carolina Hage, uma das sócias. Deslize a página para descobrir a essência do lugar e sonhar com sua próxima festa.   

iLovee: Não há como negar que a Casa Bovero é um espaço inspirador, mas como tudo aconteceu para chegarmos até a história que estamos contando hoje?

C.H.: Sou Engenheira Metalurgista por formação, mas sempre tive vontade de ter um negócio, então quando vi que o mundo dos eventos era onde as pessoas eram muito felizes isso tudo se tornou um sonho pra mim, e foi quando dividi este sonho com um grande amigo e o sonho passou a ser nosso.  Estar nesse meio não é vender um produto, é realizar o sonho de alguém e isso me toca muito. E, num domingo de manhã, passando de carro pelo bairro, nós encontramos a casa. A estrutura era linda, mas ela estava abandonada. 

iLovee: Uau! Mas como foi todo esse processo de reforma?  

C.H.: Sempre gostamos de um tipo de arquitetura muito específico, mas o engraçado é que quando íamos a algum lugar e amavamos, eram trabalhos do mesmo arquiteto, então o nosso projeto aqui também precisava acontecer com ele. Escolhemos o Estúdio Penha para tocar isso com a gente e uma das maiores coisas que aprendemos em um ano e nove meses de obra é que os detalhes fazem toda a diferença. A reforma foi um amadurecimento gostoso. Basicamente todos os móveis aqui foram garimpados a dedo, a não ser por uma coisa ou outra. Ter este lugar é um sonho realizado.

Aqui nós olhamos para o consumo por um ângulo diferente, então além de buscarmos ao máximo manter o original da casa pra trazer história, nós também decorarmos com peças garimpadas.

iLovee: E, por ser uma construção antiga, é incrível imaginar toda a história que já se passou por aqui. Sabe dizer algo sobre o que era esta casa?

C.H.: Sim! Valorizar a história do espaço é um dos nossos objetivos. A casa era de uma família italiana em que uma das moradoras era a Dona Linda, musicista que trabalhava na orquestra do Theatro Municipal e professora de piano na edícula onde hoje temos a pista de dança. O legal é que passam por aqui algumas pessoas mais velhas que falam “eu tinha aulas nessa casinha aí embaixo”, rs. 

iLovee: E pra quem – como nós, rs – ficou com vontade de organizar um evento aqui. Como funciona? Pode nos dizer um pouco mais sobre o que a Casa Bovero tem de tão especial?

C.H.: Nosso objetivo é trazer para o mercado de eventos a sofisticação de um lugar grande em um espaço reduzido, mas pensando muito no aconchego, em fazer as pessoas se sentirem em casa, e quem se interessar e quiser ver de perto pode marcar uma visita conosco. Por aqui, em dias de festa, nós temos tudo para manter um evento bacana: bem-casados da Conceição, bolo e doces da Soul Sweet, Dj da DB2, o buffet é próprio e a decoração é da Florèe. Além disso,  aqui nós olhamos para o consumo por um ângulo diferente, então além de buscarmos ao máximo manter o original da casa pra trazer história, nós também decorarmos com peças garimpadas. Aqui não pensamos em rótulos porque todos os publicos são super bem-vindos, desde os descolados aos tradicionais.

Gostou do conteúdo, mas não conseguiu tirar os olhos da décor da casa? Deslize para #shopnow nossa curadoria inspirada na visita:  

Em destaque

assine nossa newsletter

Voltar ao topo Voltar ao topo