X

Tudo o que você mais ama

Assine para receber muitas novidades,
promos, dicas e achados do fantástico
universo online. E claro,
tudo isso com muita inspiração.

21/07/2020 | Juliana Cunha

Reading spot: 7 restaurantes e cafés para ler um livro em São Paulo

Tudo Lifestyle História

Esses tempos de isolamento me dão muita saudade de sair sem compromisso com um livro debaixo do braço e se perder nas horas na mesinha de um restaurante ou café. Confesso que esse hábito nem é tão frequente, mas muito positivo. É bom se desligar do celular um pouco na hora de almoçar ou tomar um café, ainda mais em um ambiente agradável. Para guardar a lista para o futuro ou aproveitar a reabertura gradual desses lugares, eis uma lista de sete restaurantes e cafés perfeitos para ler um livro em São Paulo

Le Jazz Brasserie

 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 

A post shared by Le Jazz Brasserie (@lejazzbrasserie) on

Amo ir ao Le Jazz da Rua dos Pinheiros, mas a unidade mais nova, a do Shopping Pátio Higienópolis, tem uma varanda que não decepciona. Seja para beliscar mexilhões com uma taça de rosé, seja para saborear o tartar de atum, um dos meus favoritos, acho o ambiente perfeito para ir acompanhada de um bom livro. O ambiente francês sempre me lembra o título A Elegância do ouriço.

Santo Grão 

 

 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 

A post shared by Santo Grão (@santograo) on

As unidade Oscar Freire e Vila Madalena, dentro da Livraria da Vila, são minhas favoritas para ir acompanhada de um vinho. É uma delícia almoçar lá e emendar uma sobremesa e um café.

Canaille

 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 

A post shared by Canaille Bar (@canaillebar) on

Esse bistrôzinho francês na Cristiano Viana foi uma das melhores descobertas do meu bairro. O ambiente é uma delícia, a carta de vinhos é ótima, os pratos são sempre deliciosos — e com preços ótimos —, a equipe é muito atenciosa, enfim. É uma experiência muito saborosa para todos os sentidos, de dia ou à noite. O cardápio muda com frequência, mas as indicações dos funcionários, seja para os pratos ou para os vinhos, são sempre acertadas. Costumo apostar nas receitas de frutos do mar. 

Caffè Ristoro (Casa das Rosas)

Nem parece que fica no meio da Avenida Paulista. Fui algumas vezes na época da faculdade, mas gostaria muito de retomar esse hábito porque é um espaço encantador. O café fica nos fundos do casarão, onde antigamente estava a garagem da residência.

Balcão

O Balcão é um bar para ir acompanhado ou sozinho, e funciona bem qualquer que seja sua companhia. Os drinks são muito bem executados, a localização é muito boa, tem petiscos ótimos e o desenho balcão único e sinuoso de 25 metros que dá nome à casa é um charme à parte. O lugar é tão literário que recebe com frequência lançamentos de livros.

Fundação Maria Luisa e Oscar Americano

O brunch desse lugar é uma coisa de tirar o fôlego! Nunca fui no café da tarde, mas só imagino bons parâmetros. O local — antiga residência da família de Oscar Americano — fica bem afastado, no Morumbi, mas vale a distância. A arquitetura da casa é impressionante e o variado brunch coroa a experiência.

Café do Pateo

Localizado nos jardins do Pateo do Collegio, No coração do centro da cidade, um jardim banha o café que fica escondido dentro do colégio. Sente no café ou na praça da fonte, tanto faz, qualquer lugar vale a pena. E, ah, agora a dica mortal: arrebente no combo do café com a tortinha de amora com chocolate.  Vem na minha.

Em destaque

assine nossa newsletter

Voltar ao topo Voltar ao topo